Home » Histórico

Histórico

O CEC – Centro de Estudos da Criança foi fundado pela educadora Rosa M. Prista. Iniciou suas atividades em 1982 como Centro de Informação e Atualização ao professor sobre o desenvolvimento infantil. Com o apoio de Iracema Meireles, educadora e fonoaudióloga, uma prática profunda e científica estava se constituindo. No ano seguinte, a repercussão se ampliou e novos setores foram criados: Clínico, Comunitário e de Pesquisa. Em 1986 imprime uma tônica psicomotora a todos os trabalhos do CEC tendo formado novas concepções científicas a partir da formação profissional com Françoise Desobeau, na época membro do Instituto Alfred Binet em Paris. Estudos Junguianos foram representativos nesta fase. Em 1991, Rosa M. Prista é recebida em homenagem na Fundação Mensa, Holanda, pelo trabalho sobre Superdotados e Psicomotricidade, alvo de tese de mestrado. Seu trabalho foi valorizado como destaque de ação criativa e de intervenção social. Seu retorno ao Brasil foi aclamado pelos educadores brasileiros em vários seminários e capacitações pelo Brasil e depois no Panamá e em Portugal. Nesta visita à Europa, Dr. Manuel Sérgio Vieira e Cunha, criador da ciência da Motricidade Humana inicia contato com Rosa M. Prista e passa a ser um dos grandes pensadores nas mudanças que iriam acontecer. Um estágio na Alemanha  em Stuttgart (Alemanha) foi o estopim para mudanças significativas na prática clínica e educacional desta instituição .Em 1994, a Dra. Flaviana Granzotto, introdutora das idéias de Freinet no Brasil se encanta por uma palestra que Rosa M. Prista ministra em Santa Catarina e passa a corresponder-se. Passa a ser outra pensadora significativa nas fundamentações científicas do CEC.
Em 2000, reescrevendo a história institucional finalmente são criados os PROGRAMAS DE DESENVOLVIMENTO, metodologia desenvolvida em síntese a todas as contribuições citadas. Em 2001 e 2003 a Sociedade Internacional de Motricidade Humana homenageou este trabalho e o trabalho desenvolvido no Grupo ” Poesia em Movimento” marcando o seu aspecto inédito no mundo. Em 2001 e 2002, O Conselho Regional de Psicologia homenageia Rosa M. Prista por destaque na área de Direitos Humanos e seu nome é escolhido como psicóloga representativa no engrandecimento da Psicologia. Em 2004 após vinte anos de pesquisas foram documentados estes programas e sua constituição na tese doutoral: “A Desumanização do Ser nas Escolas de Educação Especial. Um Estudo a Partir da Motricidade Humana” defendida nos  EUA pela Dra. Rosa M. Prista. Este trabalho foi publicado na Bienal do Livro de 2009 – Rio Centro – Rio de Janeiro sob o título: Deficiência Mental ao Espelho. A Humanização do Ser através da Psicomotricidade. É um livro que denuncia o empobrecimento de jovens portadores de deficiência Mental e suas famílias através de ações educacionais empobrecedoras e propõe um trabalho neuropsicológico voltado ao resgate da saúde da pessoa portadora de deficiência e sua família. Em 2007 a Dra. Rosa M. Prista apresenta documentação pertinente e recebe o título de especialista em Neuropsicologia pelo CFP – Conselho Federal de Psicologia e uma nova vertente se estabelece no CEC – o estudo da bioquímica cerebral e qualidade de vida. Cada vez mais fica evidente que todo ser humano possui todos os ingredientes para estar bem dependendo de sua alimentação, de suas escolhas  e de sua atividade corporal. Estudos nutricionais, da motricidade humana, pontes com a Homeopatia, com a Acupuntura marcam um olhar sistêmico e uma prática transdisciplinar. Em 2012 o CEC completou 31 anos ( 28 de fevereiro ) de serviços sociais e científicos não só a Comunidade do Méier mas a Comunidade Nacional e Internacional . ( Ver fotos CEC histórico). Ao completar 31 anos de existência sua fundadora mantém-se a frente na supervisão de todos os trabalhos integrando toda esta trajetória na Metodologia PSICOMOTRICIDADE SISTÊMICA  onde a Pedagogia Freinet e a Motricidade Humana estão integradas. Além da fundadora oficial outros parceiros se reintegram ao CEC como o Prof. Sidirley de Jesus Barreto que vem desenvolvendo estudos na área da GERONTOMOTRICIDADE . Além dos profissionais uma equipe de acadêmicos de Psicologia, Fisioterapia, Pedagogia, Biomedicina, Pedagogia, Educação Física ( que no CEC recebe o nome de Motricidade Humana)lotam seu espaço na busca de recriar esta prática diferenciada.São acadêmicos da Universidade Castelo Branco, Sociedade Educacional Fluminense , Universidade Federal do Rio de Janeiro, IBMR Centro Universitário, Celso Lisboa, Veiga de Almeida. Assim é o CEC, iniciou para capacitar professores, começou no atendimento de  superdotados e pessoas com deficiência e ao longo de uma grande jornada inclusiva estes passaram a freqüentar o CEC como pessoas e o leque se ampliou para todas as idades: do bebê ao idoso, na clínica ou em Home Care ( atendimento em domicílio) trabalhando com pessoas com CA, depressão, AVE e outras complexas patologias . Tornou-se referência mundial como uma comunidade de estudos  onde o conhecimento científico está sempre sendo atualizado. Assim é o CEC , um jeito diferente de ser, criando novas configurações no ser humano e em seus núcleos relacionais – família e escola.
Hoje é um CENTRO FORMADOR na METODOLOGIA PSICOMOTRICIDADE SISTÊMICA com cursos na área de EDUCAÇÃO PSICOMOTORA e CLINICA PSICOMOTORA e trabalha em prol da não medicalização de crianças, jovens e também de adultos marcando contra o abuso de medicamentos sem uma leitura crítica do contexto familiar e escolar e do grande ganho capitalista dos laboratórios farmacêuticos. Vivemos uma época de inversão de valores onde o ser humano tem perdido a grande capacidade de se auto-organizar e de criar relações estáveis e significativas a sua existência.

Assim é o CEC, um jeito diferente, afetivo de Ser.

O QUE É COMUNIDADE DE ESTUDOS CIENTÍFICOS?

A Comunidade de Estudos Científicos é formada por:
1-    CENTRO DE ESTUDOS DA CRIANÇA , PJ 203 dirigido por Rosa M. Prista, Ph.D. – título de notório saber em Psicologia e Qualidade de Vida reconhecido por Universidade Americana; Neuropsicóloga – título conferido pelo Conselho Federal de Psicologia; Psicopedagoga – título conferido pelo Conselho Regional de Psicologia e Psicomotricista – título conferido pela Sociedade Brasileira de Psicomotricidade após formação no Instituto Alfred Binet – Paris e pós graduação. Centro responsável cientificamente pelas metodologias desenvolvidas com nossos clientes. É uma instituição particular e registrada nos órgãos de competência. Possui seu CNPJ próprio.
Cada cliente possui um PLANO DE TRABALHO que é desenvolvido pela equipe interdisciplinar.
Participam acadêmicos universitários avaliados pela qualidade de suas notas e desempenho. Nenhum cliente é atendido por acadêmicos mas são os parceiros durante o atendimento ou substituto em casos emergenciais.

2-    NucleRIO – I Núcleo de Estudos e Pesquisas sobre a Pedagogia Freinet e Psicomotricidade do Rio de Janeiro . Neste momento possui um gestor-conselheiro presidente eleito em assembléia. É coordenado  por um conselho horizontal que determina as metas de trabalho. Sua população são crianças e adolescentes de baixo poder econômico . Suas famílias passam por uma triagem para avaliar a possibilidade de atendimento. Sua meta é lutar pelo enriquecimento simbólico de crianças e jovens que neste momento não estão conseguindo utilizar sua capacidade para aprender e conviver.Seu outro objetivo é  difundir o Pensamento Freinet entre educadores de forma a potencializar e remitologizar a consciência de crianças e adolescentes.
Estão trabalhando com 890 pessoas em trabalho de campo que é seu maior alvo. Estão estabelecidos  no mesmo prédio do Centro de Estudos da Criança como sede administrativa. É uma instituição devidamente regulamentada no CONSELHO MUNICIPAL DE  ASSISTENCIA SOCIAL, CONSELHO MUNICIPAL DOS DIREITOS DA CRIANÇA E DO ADOLESCENTE e possui o título de UTILIDADE PÚBLICA MUNICIPAL.
Cientificamente todos os trabalhos são orientados e supervisionados pela Conselheira FUNDADORA – Rosa M. Prista que recebeu de Flavianna Granzotto ( professora que trouxe as idéias de FREINET ao Brasil) a tarefa de continuidade de manter esta metodologia ativa em função dos rápidos progressos.
A equipe desta ONG são voluntários e o NucleRIO possui seu CNPJ próprio.

3-    AMOHURJ – Associação da Ciência da Motricidade Humana
Grupo de PROFISSIONAIS estudiosos do pensamento de Manuel Sérgio Vieira e Cunha – Motricidade Humana.
Está ligada a Rede Internacional de Estudos em Motricidade Humana.
Conselheiros Fundadores – Mestre  Felismar Manoel e Rosa M. Prista.

  • Estagio – Instituições convencidas

    Convênio estabelecidos com as seguintes Instituições:
    • - Universidade Veiga de Almeida
    • - Sociedade Educacional Fluminense
    • -Universidade Federal do Rio de Janeiro
    • - IBMR
    • - Universidade Castelo Branco
    • - Universidade Celso Lisboa
    • - Universidade Estácio de Sá
  • Fotos

    amassa arthur-pensativo naide diagnostico-infantil-marco-de-2012 cimg7376 cimg7379